sexta-feira, 20 de julho de 2012

Do que os homens gostam? - Expressão (Comunicação) não-verbal (2)

Entenda “expressão” como a forma mais bela de ser você. Há muitos padrões atrativos sendo imitados, mas, digo-te, não é bom forçar expressões que não se encaixam na sua personalidade só porque é mais atraente. Existe uma forma totalmente atraente de ser sem que você deixe de ser apenas você mesma.
Se eu te disser uma realidade, por exemplo: se não quiser morrer solteira, aprenda a ser feminina; não quer dizer necessariamente que exista uma forma única de ser feminina, é importante que você encontre e aperfeiçoe a sua própria forma de ser. Tem muito a ver com você conhecer a si mesma.

A expressão corporal (comunicação não-verbal) tem um poder comunicador muito mais intenso do que a expressão verbal. Temos em mente que mulheres não dão a iniciativa, mas, se ela deseja que um homem dê a iniciativa, ficar parada não adianta. É preciso comunicar-se de alguma forma. Os homens não leem mentes, leem corpos, ou pelo menos deveriam. Não é raro ouvir uma mulher dizer: “tem homem que é muito lento”; ou “ele não se toca, nunca percebe”. É claro que existem aqueles que realmente são horríveis nisso, mas não dá para abrir a cabeça dele e dizer o quanto ele é ruim nisso, cada um só pode mudar a si mesmo.

Contudo, a linguagem verbal não deve ser deixada de lado, uma conversa agradável é a mais alta demonstração de inteligência. Mas querer demonstrar interesse apenas pela conversa pode fazer-te parecer desesperada e chutar o homem para bem longe de você. É preciso aprender a fazer o corpo falar.

Ah, antes que eu me esqueça, as expressões atraem homens à sua altura. Então tente não focar muito na exaltação de seios e glúteos, mas em suas roupas e expressões, tais como maneira de se comportar e gestos. Ser atraente é diferente de ser apenas bonita, e ser sexy é diferente de ser vulgar. Talvez esse seja um tabu em nossa cultura que precise ser destruído: mulheres mais femininas e atraentes não são as que usam shorts minúsculos ou decotes extravagantes. Essas expressões passam a mensagem muito forte de desvalor. E o valor que você dá a si mesma influencia muito no valor que o homem dará a você.

1° Vestimentas – Há um abismo entre sexy e vulgar, e esse abismo pode se esconder em apenas um detalhe. Jamais siga uma moda, suas roupas têm que se encaixar com a sua personalidade, você precisa experimentá-las, escolhê-las. Se a sua roupa for padronizada, outras pessoas que as usam podem colocar sobre você a impressão da  personalidade padronizada que elas têm, mesmo que você seja única e original. Antes de agradar a alguém, agrade a si mesma, o conforto vai lhe proporcionar confiança. Não mostre demais, troque extravagâncias por sutilezas, use roupas que não enganem, mas que acompanhe perfeitamente as medidas do seu corpo. Esqueça o padrão! E não use roupas largas, é sério.
Preferimos ver mulheres em vestido à calça, mas não significa que não gostemos de calças, desde que não sejam rasgadas. Minissaias são bem atraentes, mas é preciso ter cuidado com a mensagem e o valor que elas passam. Salto alto em ocasiões específicas, sandálias de tira e rasteiras impressionam com facilidade; na verdade, pés delicados e bem cuidados à mostra levam qualquer homem às alturas.
Obs: o conceito de vestimentas varia de acordo com a cultura.

2° Comportamentos – Que homem não gosta de mostrar a todos que sua mulher é inteligente? Não há nada que torne alguém mais vulgar do que um comportamento inapropriado, mesmo que esteja usando a combinação perfeita de roupas. Obviamente, uma mulher que descobre sua feminilidade e a evolui, é diametralmente oposta ao homem que descobre sua masculinidade e a evolui. No fundo, nenhum homem quer a versão feminina de si mesmo; mas é claro que isso não envolve gostos pessoais, tais como jogar videogame ou ter um estilo musical diferente, na verdade nós amamos uma personalidade própria. Existem alguns comportamentos que fazem total diferença: ser discreta, cuidadosa, vaidosa, cheirosa, sorridente, expressar sentimentos, feminina e outras características desse seguimento.

Mas se você for feminista e estiver pensando em uma frase que comece assim: “Ah, mas se homens blá blá blá...”; preste atenção:

Não queremos uma mulher explodindo gases intestinais, arrotando, anunciando que vai defecar ou falando palavrões a nossa frente só para dizer que é espontânea. Mesmo que você pense que isso é um sinal de intimidade, por favor, evite fazer esse tipo de coisa. Educação faz toda a diferença! As pessoas já sabem disso, o problema são as feministas de orgulho ferido querendo induzir mal as verdadeiras, doces e amáveis mulheres.

3° Gestos – Seres humanos tendem a fazer gestos inconscientes quando se sentem atraídos por alguém, para que, assim, o “alvo” também se sinta confortável e atraído, confortável para se aproximar e iniciar algum tipo de contato. É o que eu chamo de “indicadores de interesse inconscientes”. Indicadores femininos e masculinos são diferentes, mas vou elencar alguns femininos. Usá-los é por sua conta.
·        Reinicie a conversa quando ele parar de falar;
·        Contribua com o seguimento da conversa;
·        Ria de tudo que ele disser (não precisa ser engraçado);
·        Use qualquer desculpa para começar uma conversa;
·        Elogie (faça-o se sentir um herói);
·        Passe a mão nos cabelos, ou brinque com eles;
·        Vire o corpo na direção dele;
·        Seja divertida e desafiadora;
·        Aproxime-se;
·        Toque-o em qualquer lugar, nada melhor do que o contato físico;
·        Empine os seios;
·        Acaricie qualquer objeto;
·        Faça contato visual e mantenha-o por um momento;
·        Invente razões para ficar perto ou a sós;
·        Não critique o que ele disser, nem mesmo o ambiente, e não seja controladora;

Existem muitas outras maneiras e expressões não citadas aqui, mas não custa nada pesquisar.

Até a próxima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário